• Dapes Investimentos

O mercado de fundos imobiliários em 2021: o que esperar?

Atualizado: 16 de ago. de 2021


Os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) sofreram com a crise desencadeada pela pandemia da Covid-19, mas, ao contrário da bolsa, eles não conseguiram recuperar totalmente suas perdas – o que pode abrir oportunidades para 2021.


Optar pelos Melhores Investimentos para esse ano pode ser uma boa saída para investidores que viram seus negócios tomarem rumos não tão promissores em 2020.


Alguns motivos explicam o aumento do interesse atual do público investidor pelos Fundos Imobiliários:


  • Taxa Selic no menor patamar histórico, atualmente em 2% ao ano;

  • Menor volatilidade dos FIIs em relação ao mercado de ações;

  • Aumento substancial da liquidez dos FIIs a partir de 2019;

  • Dividendos mensais isentos de Imposto de Renda para pessoas físicas;

  • Permite acesso ao mercado imobiliário de forma simples;

  • Gestão profissional e diversificação da carteira;

  • Resiliência de segmentos de FIIs em meio à crise do coronavírus, como o setor de Logística.


Continue a leitura para aproveitar o cenário de retomada econômica que se desenha para 2021. Confira a seguir!


Fundos Imobiliários: o que são?


Os Fundos imobiliários são instrumentos negociados na bolsa de valores que reúnem investidores, centralizados em um time de gestão, que tem como objetivo explorar ativos no mercado imobiliário, seja para renda (aluguéis) ou desenvolvimento e ganho de capital.


Os gestores usam a sua expertise para adquirir e explorar imóveis de diferentes setores da economia, como: shopping centers, galpões logísticos, empreendimentos residenciais, lajes corporativas, etc.


Os rendimentos provenientes da exploração desses imóveis são distribuídos mensalmente para os cotistas, proporcionalmente à quantidade de cotas detidas por cada investidor naquele determinado fundo.


Retrospectiva 2020


Em 2020, todos os FIIs sofreram baque no auge da crise. Contudo, alguns se destacaram por sua resiliência e também no quesito de recuperação.


No início da crise todos os FIIs sofreram desvalorização. Porém, os FII Logísticos e de Recebíveis foram os que tiveram recuperação de preço mais rápida…


Isso acontece devido à natureza mais previsível desses ativos, que contam com contratos de longo prazo, no caso dos fundos logísticos, e ativos de renda fixa com taxas e fluxos de pagamento pré determinados no caso dos FIIs de recebíveis.


Desenvolvimento imobiliário


Como o foco dos FIIs de desenvolvimento é a construção dos imóveis desde o início, compete ao fundo todas as etapas do processo de criação de um empreendimento.


O investidor que aplica seu dinheiro em um FII de desenvolvimento, ou incorporação, não tem como foco, no primeiro momento, os rendimentos mensais, como nos fundos de tijolos, porque não haverá aluguel. Após o desenvolvimento do projeto, os cotistas do fundo são detentores daquele imóvel, que pode ser vendido a outro player para realização de ganho de capital na operação, ou até mesmo explorado para renda ao longo de muitos anos.


Como investir em fundos imobiliários?


Para isso, siga esse roteiro com alguns passos essenciais:


Reflita sobre seu perfil e seus objetivos de investimento, entendendo se os fundos imobiliários são um investimento adequado para o seu caso;


Procure corretoras de valores. Você precisará ter uma conta para comprar e vender cotas de fundos listadas na bolsa de valores;


Esteja ciente da taxa de corretagem e outros custos que forem cobrados pela corretora escolhida. Elas incidem na negociação de fundos imobiliários, assim como na de ações;


Identifique as carteiras disponíveis no pregão e a liquidez (volume de negociação) das que parecerem as mais interessantes;


Estude a política de investimento do fundo, a partir de documentos como prospectos, regulamentos e boletins mensais. Eles ficam disponíveis no site da bolsa;


Fique atento ao histórico de distribuição de rendimentos pelo fundo e também de sua volatilidade na bolsa. Tente identificar como ele e o seu gestor se comportam se sai em momentos de estresse no mercado;


Entenda qual é o nível de risco do fundo, pensando tanto na volatilidade das cotas na bolsa como também no risco dos segmentos de imóveis que o fundo possui (comercial, corporativo, hospitais, shoppings, etc.);


Lembre-se de que o rendimento periódico distribuído pelo fundo é isento de Imposto de Renda, mas o eventual ganho de capital com a variação das cotas não é.


O que 2021 reserva para os fundos imobiliários?


Com um retorno médio projetado de 6,9% no ano e ainda isento de imposto de renda, é possível perceber, logo de cara, que em um cenário de Selic a 2%, os fundos imobiliários estão muito atrativos aos preços atuais.


E você, já investe em algum dos melhores fundos imobiliários para 2021 que mencionamos acima? Deixe sua opinião abaixo e compartilhe conosco o que você acha desses ativos.


Para acompanhar esses e outros conteúdos sobre investimentos acesse: www.dapesinvestimentos.com.br



ONDE INVESTIR EM 2021: após queda recente, fundos imobiliários ficaram atrativos e exibem bom potencial de retorno. Disponível em:<https://www.seudinheiro.com/2021/bolsa-dolar/onde-investir-2021-fundos-imobiliarios>. Acesso em: 14. JAN. 2021.


CARTEIRA RECOMENDADA DE FUNDOS IMOBILIÁRIOS: Janeiro de 2021. Disponível em:<https://conteudos.xpi.com.br/fundos-imobiliarios/carteiras/carteira-recomendada-de-fundos-imobiliarios-janeiro-de-2021/>. Acesso em: 14 JAN. 2021.


FUNDOS IMOBILIÁRIOS: tudo o que você precisa saber para começar a investir saiba como investir. Disponível em:<https://www.infomoney.com.br/guias/fundos-imobiliarios/>. Acesso em: 14 JAN. 2021.


QUAIS AS MELHORES OPÇÕES DE FUNDOS IMOBILIÁRIOS PARA 2021. Disponível em:<https://urbe.me/lab/melhores-fundos-imobiliarios-para-2021/>. Acesso em: 14 JAN. 2021.


FUNDOS IMOBILIÁRIOS: o que são e como escolher qual investir. Disponível em:<https://blog.clear.com.br/fundos-imobiliarios/amp>. Acesso em: 14 JAN. 2021.


#dapesinvestimentos #fundosimobiliarios #fundosdeinvestimentos #futurofinanceiro #investimentofinanceiro


17 visualizações0 comentário